Carcassonne – Cidadela Medieval / França

Carcassonne – Cidadela Medieval / França

Carcassonne é uma cidade medieval e é um espetáculo para amantes de história medieval, castelos e vinhos, assim como nós. A vitivinicultura, assim como o turismo é um dos pilares da economia da região e como somos também loucos por vinhos, é claro que vamos falar sobre os vinhos dessa região em outro artigo.

mapa franca

Carcassonne fica na região Occitania, no sul da França a 772 km de Paris. A cidade fortificada está localizado na margem direita do rio Aude.

História:

Desde a época pré-romana sempre existiu nas colinas um assentamento fortificado. Foram os romanos que começaram a construção de uma nova muralha.

Após os romanos, a cidade foi tomada pelos visigodos, que era um povo germânico procedente da Escandinávia, que lutaram contra os romanos nos primeiros séculos do cristianismo (séc. V). Esses francos, como eram chamados o povo germânico que habitavam a antiga Galia (região do antigo império romano), voltaram a fortificar a cidade para defendê-la das invasões árabes.

Castelo Carcassonne frente

Na Idade Média, Carcassonne foi um dos principais feudos cátaros (seguidores de um movimento religioso considerado herege pela Igreja) e durante as cruzadas, a Igreja, com o apoio dos reis da França, os derrotaram.

No decorrer dos séculos seguintes, Carcassonne perdeu sua importância estratégica e no século XIX a cidade medieval estava a ponto de desaparecer, porém em 1853, foi reformada pelo arquiteto Eugène Viollete-le-Duc e Paul Boeswillwald que realizaram a restauração, devolvendo suas características medievais.

O que não se pode perder durante a visita:

A cidadela é formada pela muralha externa e interna com suas 52 torres e portas, a Basílica de Saint-Nazaire, o Castelo e a vila medieval.

muralha

3 km de muralha

As muralhas ao redor do castelo tem quase 3 km de extensão e com 2-3 metros de espessura e servia para a defesa. A muralha interna foi construída no período galo-romano e possui ainda hoje algumas torres originais e todas elas têm formato de ferradura, exceto a Torre Pinte que é retangular.

A muralha externa foi construída pelos reis da França e é mais baixa que a galo-romana, suas torres são arredondadas e sem teto entre seus dois andares, para evitar que servissem de refúgio.

As torres principais são:

Torre de Saint-Nazaire: cuja função principal era de proteger a Basílica de Saint-Nazaire. Ela tem dois andares e só se podia subir nela através de uma escada de madeira que era removida em caso de ataques ou invasões.

Torre de Tresau (do tesouro): com salas arredondadas e janelas em estilo gótico.

Torre da Justiça: dizem que no período da Inquisição ali funcionava como um tribunal e masmorra.

Torre Pinte: era uma atalaya da qual se podia vigiar uma grande extensão de terreno e se prevenir diante de ameaças. Ela está localizada no castelo.

entrada

Porta de Narbona

As Portas

Porta de Narbona: é considerada a entrada principal da cidadela, que além dessa, conta com mais outras três entradas alternativas que também dão acesso à Cité. Além de servir de acesso, essa porta era reforçada e tinha também um papel relevante para a segurança da cidade medieval.

Porta de Aude: tem sua construção baseada num complexo sistema de defesa.

O Castelo (conhecido como Palatium) se encontra dentro da cidadela e foi construído pelos viscondes de Trancavel (vassalos do conde de Toulousse) e a partir do século XIII passou para as mãos da coroa francesa. Se localiza na parte mais alta da cidade o que facilitava a visualização dos arredores e com isso sua defesa.

Basilica

Basílica de Saint-Nazaire

A Basílica de Saint-Nazaire é uma harmonia entre o estilo arquitetônico romântico e gótico.

Barbacan

Outro elemento importante do castelo é a barbacã, abertura estreita na muralha, que servia como ponto de observação para defesa.

Curiosidade:

Carcassonne já foi cenário de vários filmes, entre eles Robin Hood: príncipe dos ladrões, em 1991 estrelado por Kevin Costner.

torre pintada2018-08-28 12.17.07

Uma curiosidade cheia de polêmica sobre o castelo, são uns círculos concêntricos amarelos que foram pintados na sua muralha . É uma obra de arte do artista contemporâneo suíço Ticino Felice Varino denominada “Círculos concêntricos excêntricos” em comemoração ao 20º aniversário de inscrição da cidade como Patrimônio da Humanidade pela UNESCO. Esse projeto foi muito popular entre os turistas que se empolgaram em fotografar o jogo óptico que a obra oferece, em contrapartida os moradores não tiveram a mesma opinião, achando aquilo tudo terrivelmente feio.

Polêmicas a parte, a cidadela medieval é um encanto para quem gosta de caminhar sob ruas cheias de histórias. Recomendamos totalmente. 

palco para show

O Essa é uma área onde acontecem shows, concertos e espetáculos medievais, e você pode conferir toda a programação através do site oficial. É importante que os ingressos sejam comprados com antecipação. 

O vídeo sobre Carcassonne já está disponível em nosso Canal do YouTube, confere lá! Salud! 🏰

Booking.com

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!