Chablis – um dos vinhos brancos mais queridos do mundo

Chablis – um dos vinhos brancos mais queridos do mundo

Chablis é uma região vitivinícola francesa que faz parte da  Borgonha, com vinhos clássicos e únicos elaborados a partir da variedade de uva branca Chardonnay.

Localizada ao norte da Borgonha no departamento de Yonne e a 180 km de Paris, produz um dos vinhos brancos mais queridos do mundo.

A região é repleta de colinas nas margens do rio Serein.

História

Desde a Idade Media, Chablis já era próspera e se destacava na atividade vitivinícola da comarca de Yonne e como em outras regiões, os monges cistercienses foram os responsáveis por selecionarem as melhores parcelas de Chardonnay.

No final do século XIX e início do século XX os vinhedos também foram afetados pela filoxera.

Na metade do século XX, a região recuperou merecidamente sua fama.

Os Chablis

O vinho Chardonnay de Chablis é característico por sua acidez alta, com aromas de frutas verdes e “pedra fria”, ricos, frescos e minerais. Com grande capacidade para envelhecer, quando a acidez ganha bouquet mais complexo.

Dependendo do vinhedo, os vinhos de Chablis são classificados de acordo com critérios de qualidade:

  • Chablis grand cru: são as melhores parcelas com vinhedos localizados nas colinas, bem drenados, com ar frio que elimina a humidade e bem ensolarado. Vinhos com sabor intenso, com muita frescura que ao evoluírem ganham complexidade e delicadeza. Alguns podem envelhecer até 40 anos.
  • Chablis premier cru: de grande estilo mas não tão impactante como os grands crus. A qualidade varia dependendo do produtor. A maioria dos vinhos são frescos e podem ser fermentados em depósitos de aço inoxidável ou madeira.
  • Chablis: são cultivados nas partes mais planas e quando provenientes de colheitas frias e chuvosas costumam ser muito ácidos. Em safras ensolaradas e secas se consegue ótimos vinhos que podem chegar a evoluir por em média 10 anos.
  • Petit Chablis: são os vinhos de categoria mais simples que possuem menos acidez, mais leve e frutado.

Variedade de uva

A Chardonnay consegue na região muita qualidade principalmente nos terrenos com inclinação orientadas para o sol, sendo as geadas, que em alguns anos acontecem durante a primavera, um perigo que pode arrasar a colheita de Chardonnay.

Para tentar minimizar esse problema se recorre aos tradicionais fogareiros ou tochas que são espalhados a noite pelo vinhedo para aquecê-lo.

Nesta região se consegue um vinho Chardonnay com tipicidade única e distinto de qualquer outra região da Borgonha.

O segredo do solo (principalmente argila e calcáreo) da região está em sua geologia, ou seja, solos provenientes da margem de uma bacia de calcário que antes estava submergida no mar, com presença de fósseis de conchas de ostras.

Segue acompanhando pois teremos em breve mais conteúdo com sugestões de combinação de Chablis com comidas.

Quer saber mais sobre o mundo do vinho? Continue acompanhando por aqui para encontrar artigos completos e de qualidade. É só CLICAR AQUI.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!