Os vinhos do Vale dos Vinhedos – Brasil

Os vinhos do Vale dos Vinhedos – Brasil

É verdade que a tanto a cultura como o consumo do vinho no Brasil ainda são bem pequenos mas já estamos avançando.

O consumidor brasileiro está buscando cada vez mais informação sobre o vinho e isso já é um passo para evoluirmos dentro da cultura e do hábito de beber vinho.

Na minha opinião, ainda temos um longo caminho a percorrer e um passo importante é não “elitizarmos” o consumo do vinho, mas sim, precisamos estar abertos para buscar conhecimento se queremos aprender sobre vinho.

Vamos começar por essa região mostrando um pouco sobre os tipo de vinhos, as características do clima e do solo, e porque você precisa saber disso para entender melhor o vinho que você bebe.

Você vai saber também quais as variedades de uvas cultivadas, os tipos de vinhos e o que estão fazendo os produtores por lá.

O Vale dos Vinhedos é uma região vitivinícola brasileira localizada na Serra Gaúcha.

Os vinhedos estão localizados principalmente nos municípios de Bento Gonçalves, Garibaldi e Monte Belo do Sul.

As variedades viníferas utilizadas para produção de vinhos no Rio Grande do Sul são cepas de origem européia: francesa, portuguesa e italiana.

A primeira denominação de origem de vinhos brasileira reconhecida no ano de 2012, foi a D.O. Vale dos Vinhedos e os produtores que fazem parte dessa denominação de origem produzem vinhos com as variedades:

  • Tintas: Merlot, Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc, Tannat e Pinot Noir
  • Brancas: Chardonnay e Riesling Itálico

São produzidos vinhos tintos, brancos e espumantes.

O relevo da região é bem acidentado e com altitude entre 600 e 1000 metros com solos argilosos, predominando o arenito com uma cobertura basáltica.

O inverno é mais rigoroso, os verões bem quentes e apresenta um elevado índice pluviométrico que significa bastante chuva, principalmente na fase de amadurecimento da uva. E por que precisamos saber disso para beber vinho?

Porque a elaboração de um bom vinho depende da qualidade da uva. E para termos boas uvas com um adequado amadurecimento temos que ter condições climáticas que permita isso.

E conseguir boas uvas Vitis vinifera no Brasil não é fácil, porém existem alguns produtores que na minha opinião, com todas as dificuldades estão produzindo bons vinhos.

Existem também alguns produtores trabalhando com uma viticultura ecológica, com respeito ao meio ambiente, elaborando seus vinhos com mínima intervenção e com personalidade. Esses produtores estão diversificando através de uma produção artesanal e preferem estar fora da D.O. pois buscam mais liberdade, por exemplo, para escolher as variedades de uvas e o tipo de vinificação que vão utilizar na produção dos seus vinhos. E como gostamos disso !!!

Ahhh, e para quem curte visitar as vinícolas, seus vinhedos e desfrutar dos vinhos, da gastronomia e da cultura local, essa região oferece várias opções deliciosas em qualquer época do ano.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!