Sulfito no vinho

Sulfito no vinho

O que é o sulfito?

Sulfitos ou dióxido de enxofre (SO₂) são conservantes usados na elaboração de vinhos.

É uma substância com propriedades antibactericida, antioxidante entre outras.

No vinho o sulfito:

  • é um subproduto natural do metabolismo das leveduras durante o processo fermentativo, portanto o vinho sempre vai conter alguma quantidade de sulfito.
  • e pode ser adicionado artificialmente durante as etapas de elaboração dos vinhos.

O importante é entendermos a diferença entre um vinho em que o produtor não adicionou sulfito (ou se adicionou foi quantidades muito baixas) e vinhos onde se realiza adição de maiores quantidades de sulfitos.

Todo vinho é natural por definição, ou seja, vinho é o resultado da fermentação do mosto da uva, porém ainda existe toda uma polêmica em torno da questão dos vinhos naturais e convencionais.

Então qual seria a diferença entre os vinhos convencionais, ecológicos, biodinâmicos e os naturais (este já está oficialmente reconhecido na França, pelo Ministério da Agricultura, como Vin Méthode Nature)?

Basicamente, a diferença está na intervenção humana no processo vitivinícola.

Quando o vinho contém mais de 10mg/litro de sulfito deverá conter no seu rótulo o termo “Contém sulfito”.

Os níveis de sulfitos são (União Européia):

  • Vinhos naturais: < 30 mg/l
  • Vinhos convencionais: até 200 mg/l
  • Vinhos com certificados ecológicos: até 150 mg/l em vinhos brancos e 100 mg/l em vinhos tintos

Ainda temos muito para conversar sobre esse tema. Então siga acompanhando nosso conteúdo sobre o mundo dos vinhos e se tiver alguma dúvida pode nos enviar um WhatsApp.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!