Vinho e emagrecimento: será possível ?

Vinho e emagrecimento: será possível ?

Já sabemos que um dos pontos positivos do consumo moderado de vinho tinto (dizemos um dos, pois temos vários outros) para nosso organismo, é a ação antioxidante devido a presença do resveratrol (composto fenólico presente nas uvas tintas) que ajuda a combater por exemplo, o envelhecimento precoce e tem ação cardio protetora.

Mas hoje vamos falar um pouco sobre outra substância que pode ser um aliado no processo de emagrecimento, o piceatannol, outro antioxidante semelhante ao resveratrol. 

Só temos que ter cuidado e não sair por aí dizendo que para perder peso, basta sair tomando vinho tinto sem moderação.

Os benefícios que o vinho tinto pode trazer vai depender, portanto de como o consumimos. 

Estudos in vitro de Kee-Hong Kim da Purdue University (E.U.A.) demonstraram que o piceatannol impede processos celulares de desenvolvimento de células adiposas (gordura) devido ao seu efeito hipoglicêmico.

Lembrando que esses estudos são pioneiros e continuam sendo desenvolvidos.  Portanto, para emagrecer de forma saudável, devemos ter hábitos alimentares saudáveis acompanhado de atividade física.

Nós como amantes dessa bebida, ficamos felizes em saber que existe mais essa possibilidade positiva do consumo moderado do vinho.

Então seguimos acompanhando até que todos os estudos estejam concluídos e voltamos aqui para te contar tudo.

Bons vinhos 🍷🍷.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

*

Seja o primeiro a comentar!