A Bodega Arráez e seus vinhos “CANALLAS” – Espanha

A Bodega Arráez e seus vinhos “CANALLAS” – Espanha

Simplesmente muito bacana o projeto renovador da Bodega Arraez.

Toni Arráez, enólogo e diretor desde 2007 executou uma verdadeira revolução interessantíssima na filosofia da bodega sem perder a essência tradicional, passada de geração em geração, no modo de fazer seus vinhos.

A vinícola fica na pequena Font de la Figuera, na Comunidade Valenciana (Espanha).

A História

A vinícola teve sua formação a partir de três bodegas que foram sendo reformadas  e implementando novas técnicas de elaboração. A bodega passou por três gerações em seus 69 anos de história.

Quem deu início a bodega foi o avô de Toni, passando também pelas mãos de seu pai até que ele assumiu o comando e passou a dirigir a vinícola com uma equipe bem jovem que compartilham da sua filosofia, ou seja, uma vinícola diferente, que aproxime o vinho das pessoas jovens e com rótulos que saiam do lugar comum.

Os vinhedos e a região

A Bodega possui 30 hectares de vinhedos próprios onde cultivam variedades autóctonas como a Monastrell, Tempranillo, Garnacha Tintorera, Verdil e Moscatel, além das internacionais Syrah e Cabernet Sauvignon. Nesses vinhedos onde o solo é rico em calcáreo e o microclima tem influência tanto continental como mediterrânea, com verões quentes e invernos bem frios, criam um ambiente perfeito para o cultivo de uvas de qualidade, onde as videiras velhas estão plantadas em “vaso” e as mais novas em “espaldeiras”. Além dos vinhedos próprios, o abastecimento de uvas também vem de outros viticultores da região desde os anos 50.

E Toni não para por aí, vem também elaborando vinhos, seguindo seu modo nada convencional, em outras regiões de Denominações de Origem diferentes como Jumilla, Utiel Requena e Alicante, com o objetivo de difundir sua maneira de entender o vinho, que se baseia em produzir vinho moderno sem perder a essência gerada pela terra e o conhecimento de longa data conseguido pela dedicação de três gerações ao mundo dos vinhos.

Nossa visita à Arráez   

Em nossa visita a essa bodega podemos conhecer e entender de perto como funciona esse modo de fazer vinhos de qualidade com essa filosofia tão irreverente e divertidíssima.

Perguntei para eles o motivo pelo qual nomearam um dos seus rótulos de “Canallas”. E o motivo é o seguinte: eles acreditam que “canallas” representam pessoas com espírito forasteiro, independentes, que não tem vergonha das coisas e que compartilham das mesmas ideias que eles, ou seja, se mantém jovens, não apenas jovens de idade, mas principalmente de cabeça. Pessoas “canallas” são aquelas que curtem viajar, que gostam de disfrutar da companhia dos amigos e que se sentem jovens.

Para os amantes do mundo do vinho, recomendamos muito visitar à vinicola, que começa, como não poderia deixar de ser, com uma taça de vinho de boas vindas.

Vinho de boas vindas: Los Arráez Verdil

E aí está ele, o último na imagem acima. Um jovem vinho branco varietal da autóctona Verdil, muito antiga dessa região com Denominação de Origem Valência. Esse rótulo quer dizer o seguinte: o Samaruc, o peixe do rótulo, está com risco de extinção, assim como a variedade Verdil. O projeto é a aposta da vinícola para recuperação de variedades autóctonas. Esse vinho é 100% feito com a Verdil e criado 3 meses sobre suas lías e tem um sabor bem fresquinho, uma boa acidez, leve e com aromas de frutas brancas e flores.

Depois da gostosa recepção passamos para o “Labirinto de interpretação dos vinhos”, que foi criado a partir de 25 depósitos subterrâneos que foram construídos pelo avô de Toni, onde em cada sala tem uma explicação com uma linguagem clara e divertida sobre os vinhos, o que adoramos, já que somos adeptos a não complicar o aprendizado em torno dessa bebida que amamos (isso não quer dizer que o mundo do vinho seja fácil, mas com um pouquinho de dedicação é possível aprender, basta querer).

Uma das salas tem a coleção da família que é onde eles guardam alguns vinhos para saber como eles vão evolucionando. Nas outras salas são explicados os processos de elaboração dos vinhos, desde o vinhedo, com as formas de conduzir as videiras, até o envelhecimento do vinho em barricas e posteriormente em garrafas. Inclusive uma sala onde podemos testar nosso sentido olfativo, com uma série de aromas encontrados nos vinhos, e sensações táteis, através de texturas que também podemos sentir quando bebemos vinho.

Finalmente passamos ao wine bar onde degustamos mais dois vinhos acompanhados de um bate papo bem descontraído e agradável.

O segundo vinho que degustamos foi uma Cava que tem um nome para lá de sugestivo, “Cava Sutra” em homenagem ao livro mais famoso do mundo sobre o amor e a anatomia humana, ojalá ! Com Denominação de Origem Cava, elaborado com as variedades Macabeo e Chardonnay, tem perlage fina, é bem fresco,  com notas cítricas, sabor intenso e redondo. Disfrute com a melhor companhia !

O terceiro vinho que degustamos lá na vinícola foi o tinto “Vividor – Conquista la vida”, que é uma chamada para todos disfrutarem cada minuto da vida e viver novas experiências. É Denominação de Origem Utiel-Requena elaborado com as variedades Bobal e Garnacha. Entra cheio de volume na boca, estruturado, com notas frutadas, balsâmicas e uma leve madeira. Uma homenagem a todos que sabem aproveitar a vida !

Completamos nossa visita com um delicioso almoço típico da região e naturalmente com mais vinho ! O vinho da vez foi “Vivir sin Dormir”, cheio de personalidade, aromas de frutas vermelhas maduras, estruturado e potente. É um vinho varietal de Monastrell com 4 meses em barrica e Denominação de Origem Jumilla.

Quem nos recebeu na Bodega Arráez foi a simpática Amélia e nos contou também que eles estão ampliando a vinícola, e as novas instalações estão sendo feitas para incentivar ainda mais o enoturismo. Imagina que isso só nos deixou com gostinho para voltarmos em breve e conferir tudo e contar para você, ou quem sabe, podemos ir juntos conhecer as novas instalações e desfrutar dos excelentes vinhos carregados de irreverência e estilo próprios da Bodega Arráez !

Para visitar a vinícola é necessário agendar previamente pelo site www.bodegasarraez.com

O vídeo sobre a Bodega Arráez já está prontinho para você aproveitar em nosso canal do YouTube com mais vinhos e mais histórias. Vai lá conferir !

Salud! 🍷🍷

 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!