O que é vinho de guarda ?

O que é vinho de guarda ?

Você já deve ter ouvido algumas vezes sobre vinhos de guarda ou envelhecidos e uma frase muito comum ligada a esses tipos de vinhos, que quando dita de forma generalizada é um erro: “quanto mais velho melhor o vinho”. 

Vamos dar algumas dicas para que você saiba reconhecer o que é um vinho de guarda e algumas de suas características.

Quando um produtor vai elaborar um vinho, ele decide se aquele vinho vai ser jovem (para ser consumido geralmente nos 2 ou 3 primeiros anos) ou se vai ser um vinho que poderá ser guardado e consumido mais envelhecido. 

Portanto, não são todos os vinhos que tem capacidade de envelhecimento, isso depende do tipo de vinho que o produtor quer elaborar, que poderá ser jovem (para ser consumido logo) ou de guarda (que pode envelhecer por anos).

Os vinhos que podem envelhecer necessitam ter componentes que possibilitem sua evolução em garrafa. Dentro desses fatores encontramos por exemplo, os polifenóis, acidez, graduação alcoólica, variedade de uva, tempo que o vinho foi criado em barrica, etc.

Os vinhos de guarda vão se tornando complexos a medida que vão evolucionando (tanto na vinícola como depois na garrafa) e adquirem uma gama de outros aromas e sabores equilibrados bastante diferentes dos vinhos jovens. 

Na juventude absorvem os aromas delicados e a medida que vão envelhecendo, os componentes vão reagindo entre si, tornando o vinho mais maduro, portanto mais complexo.

Ahhh! Muito importante deixar claro que tudo isso não tem necessariamente a ver com a qualidade do vinho. Quero dizer com isso que podemos ter tanto vinho jovem ou de guarda de boa qualidade. 

Então para concluir podemos afirmar que: idade do vinho não é sinônimo e tão pouco determina a qualidade do vinho. 

Para praticar sugerimos que você beba um vinho jovem e outro de guarda (preferencialmente da mesma variedade de uva) e comece a analisar as diferenças entre eles, tanto no aspecto visual (cor) como também os aromas e sabores.

Bons vinhos 🍷🍷. 

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário

*

Seja o primeiro a comentar!