Vinhos de Mâcon – sub-região vitivinícola da Borgogna

Vinhos de Mâcon – sub-região vitivinícola da Borgogna

Hoje vamos para a França para conhecermos mais uma região vitivinícola desse país mais que importante para o mundo do vinho. 

Falaremos sobre a localização dessa região, como é o tipo de solo e clima que encontramos ali, as uvas cultivadas e as principais características dos vinhos produzidos.

Mâcon é uma sub-região vitivinícola localizada na Borgogna. Entender a Borgogna não é tarefa fácil para quem está começando no mundo do vinho, então vamos explicar passo-a-passo para que você compreenda melhor essa região e seus vinhos.

A Borgogna é dividida em cinco grandes regiões vitivinícolas, sendo que uma delas é Les Maconnais – sub-região de Mâcon, situada bem ao sul da Borgogna, onde encontramos vinhos com ótima relação custo-benefício.

Mâconnais é uma região com muitas colinas que tem como capital a cidade de Mâcon onde você pode disfrutar das espetaculares vistas do Vale do Saone.

Encontramo aí vinhos regionais em três denominações de origem (em francês A.O.C. – Appellation Origine Controlée) de acordo com o nível de qualidade:

  • Mâcon
  • Mâcon Supérieur 
  • Mâcon-Villages

Algumas comunas (que são distritos de Mâcon) como Lugny, Vire, Milly-Lamartine, entre outras, podem utilizar no rótulo, o nome antes da denominação de origem.

A principal uva cultivada nessa região é a Chardonnay. Porém encontramos também as tintas Pinot Noir e Gamay.

O clima bem ensolarado nas colinas de solos com predomínio de calcáreo e argila são excelentes para o cultivo da Chardonnay que gera vinhos de boa qualidade, ricos em aromas e dependendo da safra tem bom equilíbrio entre álcool e acidez. 

Já a Pinot Noir e a Gamay são cultivadas nas áreas mais planas dando vinhos tintos jovens mais rústicos. 

Na região Les Mâconnais temos outras A.O.C também com vinhos bem interessantes como Pouilly-Fuissé e Saint-Veran, mas isso é assunto para outro artigo.

Bons vinhos 🍷🍷

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!